Decoração e Motivação!

Bom dia meu povo, ora cá estamos nós ainda na senda dos escritórios e nas zonas de trabalho, nesta semana que é para muitos o retomar de velhas rotinas, para outros é só para a semana, o quer dizer que esta vossa amiga reuniu algumas ideias para essas zonas, a tempo de as implementarem totalmente, até o o alarme soar na próxima segunda feira! Na segunda falámos de secretárias, ontem das respectivas cadeiras e hoje, para aqueles que não têm a secretária debaixo de uma janela, mas encostada a uma parede, trago sugestões para alindarem tal parede! Ora atentem às imagens que vos trago!

Um espelho....

Eu pessoalmente distraíria-me muito se fizesse uma coisa destas, porque certamente iria inspeccionar todos os dias onde é que já tinha aparecido uma outra ruga, ou outro cabelo branco e trabalho que é bom "vistezo-o"! Fica lindo, sobretudo se a secretária acumular como vanity!

Um imagem inspiradora...

Seja foto, seja quadro, pode valer o que quiserem, é algo para vos motivar e inspirar...

Um papel de parede com que se identifiquem.

Sabem bem que adoro bolinhas, por isso esta imagem conquistou-me, mas tem que ser um papel que gostem à séria e que não choque com o resto da decoração obviamente, já agora se não for visualmente cansativo, tanto melhor.

Prateleiras lindas...

São decorativas, funcionais, nunca desiludem. As singelas prateleiras, são mais económicas que as estantes, fazem as mesmas vezes, com um orçamento bem mais simpático!

Um galeria visual.

Criar uma galeria visual é ideia muito aliciante, pode não conter apenas fotos, pode ser o espaço para alguns coleccionáveis, objetos de memória, enfim é uma desafio que só vocês podem levar a cabo, porque é muito coisa muitíssimo pessoal.

Uma parede ou um quadro de cortiça...

Adoro esta ideia de poder agarrar à perede tudo o que me motiva, tudo o que não posso esquecer e tudo o que devo lembrar! Acho motivador aliar à lista do que há para fazer, a foto de umas férias, de um momento, um quadro com cor, a foto de meu animal de estimação, vocês estão a ver certo?

Não me queiram mal, por só falar de trabalho nestes dias, mas ideia é ajudar, ajudar a ser mais feliz no trabalho e isso vale para miúdos e graúdos. É incrivelmente motivador ter um espaço de trabalho bonito isso ajudou-me tanto na adolescência e enquanto tive escritório cá em casa. Não precisam de uma divisão inteira, uma zona circunscrita pode funcionar perfeitamente, se tiver o vosso cunho!

Uma grande beijoca e até amanhã!

Se gostou partilhe com os seus amigos:

Share on facebook
Facebook
Share on pinterest
Pinterest
Share on whatsapp
WhatsApp
Share on email
Email

Deixe uma resposta

Posts Destacados

Há papel de parede novo, no pedaço!

Meus queridos bom dia, pois é há papeis novos no pedaço! Sim já sei, vocês podem estar um pouquinho cansados de papeis de parede, mas a vossa amiga só vos traz coisas bonitas, nada de coisas berrantes, demasiado elaboradas, só textura e um bocadinho de padrão!

Não é que estou balançada!!!

Ora bem como todos sabem, não deve haver ninguém que goste tanto e aconselhe tanto cozinhas brancas como eu! Quando há 11 anos atrás idealizei a minha cozinha, da qual gosto muito até hoje, foi de branco que a vesti. Móveis brancos , lacados a alto brilho, bancada em pedra branca sillestone e detalhes de decoração em preto. Passamos muitooooooooo tempo na cozinha, pelo que aconselho sempre que a mesma seja em tons neutros. Mas vocês perguntam-me “Oh Angelita, se fosse hoje voltarias a fazer a tua cozinha em branco?”

Projeto Novo – Projeto de amigos!

Ora bem, vocês sabem que a nossa actividade é a decoração de interiores, mas eu adoro TUDO, o que se prenda com casas, arquitectura, materiais de construção, paisagismo, tudo! E procuro sempre desafios novos, porque isso me alimenta e motiva

Caso de Estudo: O open space da J.!

Ora antes do Natal, um bom bocado antes, a J. contactou-me para a ajudar na decoração da casa nova, que lhe oferecia algumas dúvidas, mais concretamente no que diz respeito ao layout da sala. Ora a sala da J. é um grande open space, que engloba, hall, sala de estar e cozinha. Até aqui tudo bem! Mas o grande problema da J. prendia-se com o facto de não existir muito espaço para uma zona de refeições, dizia ela e nas palavras da própria “fica tudo muito apertado”.