Projeto Novo: O hall novo da Ana.

Não me posso queixar, encontro clientes simpatiquíssimos de Norte a Sul do país, que querem trabalhar comigo!!! Desta vez a cliente é do centro, bem do centro, na capital, e foi um prazer trabalhar com a Ana que me deixou, abso-luta-mente à vontade para trabalhar. Com um hall difícil,  quadrado, cravejado de portas, seguido de um corredor, a Ana não conseguia encontrar a solução para o vestir convenientemente, então contactou-me! Mandou-me um mail com fotos da casa, para que a futura decoração do hall se integrasse bem, e pronto…passámos das palavras a ação, e não é que temos amarelo, com preto e branco!!!!!! YEIIIIIII!
A casa da Ana já tinha estes tons, e foi o projeto certo para usar um dos meus papeis favoritos da Sandberg.  Quis aplicar o papel de forma distinta no corredor, usar a risca na horizontal atrás da consola e na vertical nas extremidades da mesma, isto para desconstruir o comprimento total da parede, e eu gosto muito do resultado. E finalmente fizemos um hall com uma mesa redonda, branquinha, porque era a peça ideal para um hall com estas características, quando existe espaço de circulação, claro! Felizmente a Ana também concordou, e agora este hall, está perfeitamente integrado, na decoração da casa, tem um charme próprio, e é uma alegria ao abrir a porta. Espero que gostem, tanto como a Ana, e isso vos motive a dar mais atenção aos corredores e ao hall das vossas casas, ás vezes tão esquecidos. Beijinhos, fiquem bem!

Se gostou partilhe com os seus amigos:

Share on facebook
Facebook
Share on pinterest
Pinterest
Share on whatsapp
WhatsApp
Share on email
Email

This Post Has 8 Comments

  1. Cara Ângela,
    O Hall ficou lindo, gostei de tudo:
    A predominância do branco, a risca a preto e com apontamentos em amarelo… A mesa redonda é um Must e a consola não ficou atrás!
    Mais um projecto com final Feliz! Parabéns!

    Beijinhos e uma Santa Páscoa!

  2. Parabéns Ângela ficou muito giro! Adorei o papel de parede 🙂 Boa Páscoa

  3. Adorei, adorei, adorei!!! Muito bom mesmo! E a ideia da mesinha redonda é excelente, porque corta logo a sensação de hall só de passagem. E o papel colocado de duas formas distintas chamou-me logo a atenção. Adorei! Bom trabalho como sempre.
    Bjs, Maria João
    PS – Como funciona a e-consulta no que toca à instalação das coisas, por exemplo, na colocação do papel?

  4. Ficou lindo! Adoro a mesa redonda, sempre achei a solução perfeita para um hall quadrado e com dimensão suficiente! Otimo resultado, mas outra coisa nao seria de esperar!
    Um beijinho, Liliana

  5. Uau!!! É tão bom quando nos dão carta branca!:)) A mesa redonda é linda Ângela, ficou perfeita nesse hall quadrado! E a forma como colocou o papel, quebrou o esperado. Parabéns mais uma vez!:)

Deixe uma resposta

Posts Destacados

Os meus papeis de parede favoritos, do momento!

Na verdade os grandes padrões, os tons mais fortes, descansam agora, mas como tudo isto é cíclico, é dar-lhes mais um tempo. Seja como for, são estes os papeis que me encantam no momento, texturas, padrões e cores mais orgânicas, mais suaves, mais uma vez este tom de trigo, que não me sai da cabeça!

Vivam os Antes e Depois! Vivam!!!

Bom dia meus queridos, prontos para um antes e depois BEM giro? Pensem numa casa de banho, pequena, datada, porém com luz natural. Aposto que muitos de vós devem estar a pensar “sei bem como é tenho uma em casa”!

Diferente, mas tão gira!

Ora como é do conhecimento público, eu sou dada a verdes, sou! Gosto de verde jade, gosto verde esmeralda, verde garrafa e para vestir verde tropa é uma adoração! No entanto para interiores, nem tanto penso que nestes 10 anos de blog vi talvez, 1 ou 2 imagens no máximo, em que achei que estes verde resultou. Hoje encontrei a 3.

Da categoria: Casas Lindas!

Meus queridos bom dia, já disse um milhão de vezes neste blog, mas nunca é demais dizer outra vez, não quero saber de metros quadrados, o que eu gosto mesmo, mesmo é de interiores bonitos. De casas onde dê vontade estar e estar e estar, onde encontre beleza em cada cantinho que olhe. Por isso malta, não deve ser nenhuma surpresa perceberem por que é que eu gosto da casa que vos trago hoje.