Projeto Novo: O hall novo da Ana.

Não me posso queixar, encontro clientes simpatiquíssimos de Norte a Sul do país, que querem trabalhar comigo!!! Desta vez a cliente é do centro, bem do centro, na capital, e foi um prazer trabalhar com a Ana que me deixou, abso-luta-mente à vontade para trabalhar. Com um hall difícil,  quadrado, cravejado de portas, seguido de um corredor, a Ana não conseguia encontrar a solução para o vestir convenientemente, então contactou-me! Mandou-me um mail com fotos da casa, para que a futura decoração do hall se integrasse bem, e pronto…passámos das palavras a ação, e não é que temos amarelo, com preto e branco!!!!!! YEIIIIIII!
A casa da Ana já tinha estes tons, e foi o projeto certo para usar um dos meus papeis favoritos da Sandberg.  Quis aplicar o papel de forma distinta no corredor, usar a risca na horizontal atrás da consola e na vertical nas extremidades da mesma, isto para desconstruir o comprimento total da parede, e eu gosto muito do resultado. E finalmente fizemos um hall com uma mesa redonda, branquinha, porque era a peça ideal para um hall com estas características, quando existe espaço de circulação, claro! Felizmente a Ana também concordou, e agora este hall, está perfeitamente integrado, na decoração da casa, tem um charme próprio, e é uma alegria ao abrir a porta. Espero que gostem, tanto como a Ana, e isso vos motive a dar mais atenção aos corredores e ao hall das vossas casas, ás vezes tão esquecidos. Beijinhos, fiquem bem!

Se gostou partilhe com os seus amigos:

Share on facebook
Facebook
Share on pinterest
Pinterest
Share on whatsapp
WhatsApp
Share on email
Email

This Post Has 8 Comments

  1. Cara Ângela,
    O Hall ficou lindo, gostei de tudo:
    A predominância do branco, a risca a preto e com apontamentos em amarelo… A mesa redonda é um Must e a consola não ficou atrás!
    Mais um projecto com final Feliz! Parabéns!

    Beijinhos e uma Santa Páscoa!

  2. Parabéns Ângela ficou muito giro! Adorei o papel de parede 🙂 Boa Páscoa

  3. Adorei, adorei, adorei!!! Muito bom mesmo! E a ideia da mesinha redonda é excelente, porque corta logo a sensação de hall só de passagem. E o papel colocado de duas formas distintas chamou-me logo a atenção. Adorei! Bom trabalho como sempre.
    Bjs, Maria João
    PS – Como funciona a e-consulta no que toca à instalação das coisas, por exemplo, na colocação do papel?

  4. Ficou lindo! Adoro a mesa redonda, sempre achei a solução perfeita para um hall quadrado e com dimensão suficiente! Otimo resultado, mas outra coisa nao seria de esperar!
    Um beijinho, Liliana

  5. Uau!!! É tão bom quando nos dão carta branca!:)) A mesa redonda é linda Ângela, ficou perfeita nesse hall quadrado! E a forma como colocou o papel, quebrou o esperado. Parabéns mais uma vez!:)

Deixe uma resposta

Posts Destacados

Há papel de parede novo, no pedaço!

Meus queridos bom dia, pois é há papeis novos no pedaço! Sim já sei, vocês podem estar um pouquinho cansados de papeis de parede, mas a vossa amiga só vos traz coisas bonitas, nada de coisas berrantes, demasiado elaboradas, só textura e um bocadinho de padrão!

Não é que estou balançada!!!

Ora bem como todos sabem, não deve haver ninguém que goste tanto e aconselhe tanto cozinhas brancas como eu! Quando há 11 anos atrás idealizei a minha cozinha, da qual gosto muito até hoje, foi de branco que a vesti. Móveis brancos , lacados a alto brilho, bancada em pedra branca sillestone e detalhes de decoração em preto. Passamos muitooooooooo tempo na cozinha, pelo que aconselho sempre que a mesma seja em tons neutros. Mas vocês perguntam-me “Oh Angelita, se fosse hoje voltarias a fazer a tua cozinha em branco?”

Projeto Novo – Projeto de amigos!

Ora bem, vocês sabem que a nossa actividade é a decoração de interiores, mas eu adoro TUDO, o que se prenda com casas, arquitectura, materiais de construção, paisagismo, tudo! E procuro sempre desafios novos, porque isso me alimenta e motiva

Caso de Estudo: O open space da J.!

Ora antes do Natal, um bom bocado antes, a J. contactou-me para a ajudar na decoração da casa nova, que lhe oferecia algumas dúvidas, mais concretamente no que diz respeito ao layout da sala. Ora a sala da J. é um grande open space, que engloba, hall, sala de estar e cozinha. Até aqui tudo bem! Mas o grande problema da J. prendia-se com o facto de não existir muito espaço para uma zona de refeições, dizia ela e nas palavras da própria “fica tudo muito apertado”.