Projeto Novo: O Quarto tropicalíssimo da S. – Depois.

Pois é meus queridos, eu disse que ia tentar publicar hoje e consegui, com algumas dificuldades é certo…mas cá estou. Uma das primeiras regras de fotografia, se não a primeira, para fotografar interiores é que se deve fotografar de dia e foi o que eu fiz, mas o dia cinzento desta chuva que teimosamente se anuncia, mas não cai (pela primeira vez quero que chova e muito, pois precisamos muito), obrigou-me a acender todas as luzes do quarto, pelo que se as fotos estiverem ainda mais amadoras, que o que é costume, as minhas desculpas!!!
Pois bem ontem deixei-vos o Antes deste quarto da S., que precisava de uma volta, hoje volto com o depois. Penso que deixei a S. e a mãe bastante felizes com o resultado, pois para além de cumprir todas as exigências que me foram pedidas, área de trabalho, mais arrumação e algo mais atual, criou-se um espaço acolhedor mas ao mesmo tempo alegre e coquete. Ora vejam lá…
Em vez de um roupeiro espelhado + uma estante + um secretária, aproveitámos o interior do roupeiro que já existia e fizemos uma frente de portas com uma estante acoplada, dando assim mais organização e arrumação ao espaço, mas também mais modernidade e harmonia. Esta para mim foi a decisão mais importante nesta transformação. O quarto não é grande e a S. sabe que existem alguns condicionantes neste layout, mas foi assim que ela o quis e assumiu e se ela está feliz, eu estou também! Antes que perguntem meus queridos, TUDO o que vêem no quarto é cá do estaminé, à excepção é claro da cómoda malm à entrada do quarto, que quanto a mim se aproveitou e bem para este espaço.
 E é isto meus queridos, espero que gostem, fiquem bem e um beijinho!

Se gostou partilhe com os seus amigos:

Share on facebook
Facebook
Share on pinterest
Pinterest
Share on whatsapp
WhatsApp
Share on email
Email

This Post Has 7 Comments

  1. Anónimo

    Está giríssimo e um ótimo aproveitamento de espaço. Sempre tive esta dúvida se seria opção e agora vejo(apesar de não de ver bem diretamente)aqui um exemplo, cortinado desde o teto mesmo que não ocupe a parede toda.

  2. VeraM

    Muito bom trabalho Ângela!O quarto está lindo e com um "ar" contemporâneo que qualquer jovem vai gostar. A cabeceira está linda. Parabéns por mais este trabalho.
    VeraM

  3. Lindíssimo o quarto, Parabéns Ângela, excelente trabalho.
    Acho que o espaço foi maximizado e mantém um ar leve e jovem 🙂
    Beijinho
    Teresa

  4. Anónimo

    Bom dia, Gostei do resultado final apesar de ser um pouco avessa a cabeceiras encostadas às janelas… Eu nunca o faço…
    Muito bom trabalho na utilização do espaço e nos detalhes desta conjugação de cores e padrões, que não é fácil. Parabéns! Se fosse miúda ia adorar este quarto!
    Susana Gomes

  5. Olá minha querida Ângela,
    Muitos Parabéns!!! Mais um Projeto com um resultado excelente!!!
    Com poucos m2 conseguiu satisfazer as várias necessidades da cliente!!! Quando a "designer" é competente e de bom gosto tudo é possível!

    Beijinhos e abraços algarvios.

Deixe uma resposta

Posts Destacados

Há papel novo no pedaço!

Meus queridos bom dia, como é que está essa força? Já está tudo a rolar não é assim? Ora ainda bem! Minha gente já não falávamos de papeis de parede e tecidos há tanto tempo, mas hoje tinha que partilhar com vocês o lançamento novo da Thibaut de papeis de parede, que aposto, até os mais cépticos vão gostar!

Projeto Novo: O Quarto do Duarte!

Ora muito bom dia, meu povo fico muito contente que tenham gostado do quarto da Alice e hoje trago-vos o quarto do mano mais velho, o Duarte. Ora o quarto do Duarte está pronto talvez há 3,4 anos, mas por um motivo ou outro eu ainda não tinha fotografado. Pronto agora que concluí o quarto da irmã, pumbas fotografei os 2 de uma vez.

Projecto Novo: O Quarto da Alice!

Ora bem os meus quartos de criança têm sempre a grande preocupação de acompanharem o seu crescimento, muito pouca bonecada, elementos infantis q.b. conforto e arrumação! Ora espreitem lá os domínios da Sô Dona Alice…

Desconstruir o moderno!

Bom o post de hoje como já perceberam pelo titulo pretende chamar a vossa atenção para esta tendência cada vez mais forte de uma termos em nossa casa uma decoração cada vez mais orgânica! Se conseguirem retirar a conotação negativa à definição de rústica ou tosca então é mais ou menos por aí! Já sei, sei estão a preguntar-se “mas então o que é que eu faço ao mobiliário moderno, que preenche toda a minha casa e toda a sua atmosfera?” Pois a questão é mesmo essa!